1-) ISLÂNDIA – A escolha do meu destino de férias…

20170614_160547.jpg

Esse é o primeiro de uma série de 10 sobre a Islândia, uma viagem que eu e minha irmã Maria Clara fizemos em Junho de 2017.

Será uma série com vários posts para explicar detalhadamente a nossa volta à Ilha (sim…a Islândia é uma ilha para quem não sabe).

Então vamos lá,A escolha do destino: (as imagens valem mais que 1.000 palavras)

20170616_104321.jpg
Silfra- Localizada no lago Þingvallavatn – Golden Circle

Tenho adiado minha ida à Polônia há anos …e dessa vez não foi diferente..com o roteiro fechado para o Leste Europeu, sai para “almoçar” com minha irmã, e, após 4 torres de 2,5 litros de Chopp, estávamos procurando passagens para Islândia…(e ela nem sabia onde ficava).

Por que a Islândia?

Acho que respondi essa pergunta umas 50 vezes. Vamos lá:

  1. Primeiro porque estávamos bêbadas. (nem deveria contar isso aqui);
  2. Depois, porque é um dos países mais isolados do Mundo e conhecido como a Terra do Gelo.
  3. Está localizado sobre uma cordilheira atlântica que divide as placas tectônicas da América do Norte e da Eurásia (essa informação parece não ter muita utilidade, afinal não entendo nada..só que eu amava quando o professor de Geografia falava “Placas Tectônicas” – Eu amava esse nome…(confesso que só fui descobrir o que era na viagem);
  4.  Tem poucos habitantes (odeio muvuca);
  5. Tem mais de 100 vulcões (alguns em plena atividade);
  6. Por estar às margens do Círculo Polar Ártico tem o fenômeno do Sol da Meia Noite, ou seja, não escurece nunca no Verão (o que ajudou muito para a nossa aventura de carro);
  7.  É a terra do Trolls (aqueles seres míticos e fofos do folclore nórdico);
  8.  A água é a mais pura do mundo e de graça;
  9.   É a terra dos Vikings;
  10. E por fim… tem o melhor iogurte do mundo.

Brincadeiras a parte, vocês vão perceber, que essa lista é apenas um pretexto. Observe as paisagens abaixo e me respondam: É preciso algum motivo para ir a Islândia que não seja ela mesma???

20170616_171559
Skógafoss
20170621_115323
península de Snæfellsnes,
IMG-20170617-WA0129
Diamond Beach

A ideia inicial era Amsterdã – Londres – Islândia, mas as tarifas estavam absurdamente caras, então nosso objetivo foi encontrar um primeiro destino que tivesse voos  mais baratos  para a Islândia (os voos de São Paulo são em média R$ 4.000,00).

Eis que vem a surpresa, conseguimos uma tarifa ótima pela Ibéria – SP – MADRID – SP – R$ 2.141,41 e MADRID – REYKYAVIK – MADRID – R$ 690,70. (ficamos mais de uma semana na Espanha)

Nosso voo para Islândia não dava opção de bagagem despachada. Tentamos deixar no hostel de Madrid, mas a diária da “MALA” era 5 €, ou seja, fizemos as contas e não compensava. Então despachamos as bagagens por aproximadamente R$ 120,00 (ida e volta) cada uma.

A dica é comprar o voucher para despachar a mala no Brasil, pois o pagamento é feito em Real.

IMG-20170617-WA0022
Midnight Sun in Iceland

PLANEJAMENTO: A PARTE MAIS IMPORTANTE DA VIAGEM:  Isso é MUITO sério, a Islândia não é um país que dá para ir sem um planejamento bem detalhado, tanto pelo custo, como pelas condições climáticas e por outros diversos fatores que vou explicar. Vá com plano “A”, “B” e “C”.

Nos tinhamos 10 dias para explorar a Islândia. (o que teria nos levado à falência caso não tivéssemos nos programado direitinho).

Pesquisei muito sobre o destino em vários blogs como: http://andarilhosdomundo.com.br, http://www.nerdsviajantes.com; http://fuigosteicontei.com.br/, dentre outros. O que foi essencial para o sucesso da viagem.

20170619_142202
Isafjordur, Fiordes Ocidentais

De tudo que pesquisamos, tinhamos duas certezas – O PAÍS É DÍVINO e MUITO CARO (se você leu em algum lugar que é caro…eleve sua expectativa ao ³).

Por achar que o país era “um pouco caro” (até então não sabiamos a dimensão do problema), buscamos alternativas para economizar. Como tínhamos muito tempo, a melhor opção foi locar uma Campervan (locamos na (www.campervaniceland.com), assim teríamos onde dormir e cozinhar sem ter que pagar os preços exorbitantes cobrados nos restaurantes e hotéis, correndo o risco de não conseguir vagas (no verão os estabelecimentos ficam lotados e se você não tem reserva a chance de você ter que dormir no carro é muito grande) e quanto aos preços…nem vou comentar.

20170618_190739
Nossa “Camper”

Na empresa que locamos a “Camper” (apelido carinhoso que demos ao nosso carrinho), a carteira de motorista do Brasil é o suficiente para locação… (Li que em alguns lugares precisava ser internacional ou a juramentada).

20170616_084444

ROTEIRO

O plano inicial era rodar 2.300 Km…mas por conta das nossas “presepadas”, (a pior de todas foi rodar  200 km a mais no penúltimo dia de viagem, porque eu não sei usar GPS e a Maria estava tentando resolver problemas com o banco pelo telefone..ai já sabem).

Acredito que chegamos aos 3.000 Km.

As noites foram dividias assim: 3 em – Reykjavík (Galaxy Pod Hostel) – Vik – Egilsstaði – Reykjahlid – Hólmavík – Búðardalur.

Dica: Ainda que você seja muito rico e possa esbanjar – Alugue uma Campervan ou algo maior e faça a Islândia toda – é uma experiência única.

FOI A VIAGEM DA MINHA VIDA, e tenho certeza que vai ser bem difícil alguma outra superar.

E acredite…por mais fotos que você veja, por mais blogs de viagens que você pesquise e por mais histórias que você ouça, NADA será comparado ao que você verá em no fim de cada curva da Road 1.

20170617_065650
Rumo a Vik

Informações Importantes:

  • Não precisa de visto;
  • Sua carteira de habilitação nacional serve (pelo menos na Campervan Iceland)
  • Se for ficar em hotel (Verão) – reserve antecipadamente os hotéis e os passeios;
  • Se estiver de carro cuidado com os Radares;
  • Tenho um dia livre para adaptar o roteiro por conta das condições climáticas;
  • Não tenha pressa;
  • Leve uma mala pequena e roupa de frio (mesmo no Verão);
  • Compre vinho no aeroporto; (as bebidas são muito caras);
  • É muito fácil se comunicar, mesmo que seu Inglês seja básico – Use o Carisma;
  • Coma o Hot dog, o Carneiro e o Salmão.
  • E a mais importante de todas – DIVIRTA-SE, DESDE O PLANEJAMENTO ATÉ A VOLTA PARA CASA.
20170615_105851
Bæjarins Beztu Pylsur “o melhor hot dog do mundo”
20170614_093648
Igreja de Hallgrimskirkja

Bom…por hoje é só….

Na próxima conto sobre os dias em Reykjavik,

bjs…

Loret…

3 comentários em “1-) ISLÂNDIA – A escolha do meu destino de férias…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s