Um paraíso romântico chamado “ Victoria” – Canadá.


Victória é a capital da província de British Columbia, localizada na costa oeste do Canadá. Muitas pessoas aproveitam a oportunidade de conhece-lá partindo de Seattle, Vancouver e Whistler.

Victoria, como já havia dito, é um refugio romântico, longe de grandes agitações, conta com uma arquitetura fofa, jardins surreais (mesmo no inverno), parques, praias e excelente gastronomia.

Eu particularmente já tenho um caso de amor com o Canadá, quanto mais eu conheço mais me apaixono, então todas as vezes que tiver a oportunidade, irei para lá.

20180323_163212

COMO CHEGAR:

várias opções para se chegar a ilha. A mais comum é por ferry, mas também pode ir de hidroavião ou pela balsa Victoria Clipper.

Nos partimos de Seattle  num ferry da empresa Clipper Vacations , para uma viagem de 3 dias pela pequena e charmosa ilha e vou contar tudo aqui…

HOSPEDAGEM: 

Ficamos hospedados no Inn at Laurel Point. O hotel é absolutamente fantástico, sem contar a vista maravilhosa, ele não fica bem no centro, mas a localização é perfeita, andamos a pé para todos os lugares e a vista…. Ahhh essa fala por si só…

20180323_15191620180324_22132020180324_230508

 

1º Dia – Explorando o Centro:

Chegamos a Victoria pela manhã e logo em seguida saímos para caminhar na frente do hotel.

Nossa localização era muito próxima ao Fisherman’s Wharf, um local encantador cheio de restaurantes. É de lá que saem os passeios para observar as baleias e a vida selvagem da região (apenas no verão), também tem a opção de passeios de caiaque.

20180323_15430620180323_15455220180323_154316

Ao chegar ao local conhecemos uma amiguinho muito especial o “Splash Gordon”. É muito comum, durante algumas épocas do ano, as focas irem até o píer para se alimentar.

29497951_1828335830512634_6429296640248799878_n.jpg

Continuando o nosso passeio, fomos ao Inner Harbour, apesar de frio, o dia estava lindo ensolarado, céu azul, inicio da primavera. Fomos até o jardim do Parlament Building (o prédio é aberto para visitação), acho que nunca vi um lugar tão bem cuidado e apesar de ser bem no final do inverno as flores estavam lá. Nesse mesmo dia, também fomos apreciar a beleza desse prédio a noite, onde a construção ilumina a cidade.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

A cidade é bem conhecida pelo famoso chá das cinco servido à moda inglesa, mas…. Como nós gostamos mesmo é de CERVEJA – não fomos.

Se você for adepto a essa cultura ou tiver curiosidade de conhecer, o Fairmont Empress Hotel é uma construção muito famosa na cidade e oferece essa opção.

Como já estava tarde e nos estávamos com muita fome, fomos passear pela Government Street (vulgo rua dos cacarecos), é nesse local que estão localizadas as lojinhas de souvenires, boutiques, restaurantes, pubs e as lojas de chocolates.

Optamos pelo restaurante Earls Victoria –  Sem brincadeira, não me lembro de ter comido um macarrão com frutos do mar tão bom em toda minha vida (a fome era tanta que esqueci de tirar foto). Já o Noddles do Marcel não era oitava maravilha, mas estava OK!

Além disso, o bar/restaurante é ótimo, super agradável, bem localizado e o cardápio é super variado, ou seja, tem para todos os gostos.

Fomos caminhar pelo outro lado da cidade, passamos a pé sobre a ponte, ficamos jogando pedras na água, visitamos uns totens imensos e observamos a chegada e partida dos hidroaviões.

 

Resolvemos ver o por do sol de cidade mesmo e encontramos um bar chamado “The Local”, um lugar muito fofo, com cadeiras na calçada, cardápio variado, gostamos tanto que voltamos lá no dia seguinte.

20180323_192856

20180324_210557

Saindo de lá fomos comprar uma sobremesa (eu tinha ficado encantada com os chocolates), então comprei uma caixinha do que pareciam ser trufas maravilhosas, o que posso dizer é que era OK!

 

Enrolamos mais um pouco no centro para dar tempo de assistir um jogo de basquete em algum outro bar. E lá fomos nós para o Garrick’s Head Pub, não sei vocês, mas eu amo de verdade esses pubs.

20180325_005338

E o que era para ser um jogo só se estendeu por algumas horas e acabamos jantando por lá mesmo. Eu pedi a sopa do dia que parecia uma canja e Marcel pediu um purê de batata com linguiça, que eu não sei o nome, mas ele disse que estava muito bom.

Procurando um supermercado para comprar bebidas e descobri que ali pelo centro não tinha, porém, tem um hotel que tem uma loja muito bacana que vende, mas infelizmente não sei o nome.

2 º Dia – Passeios Turísticos:

Saímos bem cedinho do hotel para procurar um local para tomar café, pegamos algumas indicações na internet, só que os dois restaurantes que tentamos tinham filas de espera enormes (exatamente…8 da manha é as filas estavam enormes), adivinha o que fizemos ???Partimos para mais um Pub, dessa vez o Irish Pub e já iniciamos o dia com o drink MIMOSA (eu amo essa bebidinha de manhã), café da manhã bem gostoso…

 

 

O transporte público funciona muito bem e como nosso objetivo era chegar no cartão postal da cidade o Butchard Gardens, pegamos um ônibus e uns 30 minutos depois estávamos na porta do Jardim.

O jardim é lindo e tem até um carrossel lá dentro, fiquei sabendo que no Verão tem fogos de artifício e mais atividades, mas a visita vale a pena, afinal é o cartão postal da cidade.

 

Este slideshow necessita de JavaScript.

Uma dica legal é dar uma passadinha no Victoria Butterfly Gardens, que é bem pertinho do outro. Se você estiver de transporte público e comprar o bilhete de um dia você pode descer lá, visitar a atração e voltar para o centro pagando apenas ida e volta.

 

Pensamos em alugar uma bicicleta para fazer isso, porém, além do valor do aluguel ser bem alto, o lugar e bem longe, é preciso DISPOSIÇÃO.

Nesse dia, voltamos para apreciar o por do sol do hotel. O que não precisa de legenda, quando vemos essas fotos.

20180324_23050829513276_1829473150398902_1800323761657149073_n

A noite, saímos para jantar e nossa intenção era um lugar com música ao vivo, tentamos de novo o Irish Pub (o do café da manhã), mas já estava lotado, e acabamos entrando no Bard & Banker, que também tinha música ao vivo e uma comida maravilhosa.

3 º Dia – Descobrindo o local:

Era nosso ultimo dia e o nosso voo era no final da tarde. Dormimos até tarde para aproveitar o hotel maravilhoso e saímos quase na hora do almoço para conhecer um pouco mais da cidade e acabamos chegando no  Beacon Hill Park.

29570657_1830678160278401_3700594025942585850_n29597520_1830678073611743_496884721407217436_n

O parque é muito lindo, charmoso (como toda a cidade), enorme, bem cuidado. Como tínhamos muito tempo fomos subindo seguindo as trilhas (e o GPS…Claro) até que chegamos num lugar bem alto que dava ver o mar e o Olympic Mountains. Avistamos uma pequena praia, e lá fomos nós descer as escadas.

20180325_16121220180325_16002220180325_160017

O passei foi bem legal, só que é  necessário um pouco de preparo físico.

Bem no centro da cidade tem uma lanchonete que vende só “hot dog”, nos passamos lá muito cedo e estava fechada, então voltamos depois do passeio. Sinceramente o lugar é mais bonito do que gostoso, mas vale a preço $ – Dog Gone It .

 

Como eu ainda não estava contente (não tinha explodido) e o fim de semana era de gordices, resolvi passar num carrinho que fica bem na frente do porto, e vende o “verdadeiro” waffle belga que é muito gostosinho….

 

Por fim, antes de voltar para Seattle, fomos tomar mais uma cerveja do fofíssimo “The Local”  e esperar o nosso voo, o aeroporto fica em frente então é só sair correndo na hora do voo.

Nós voltamos de hidroavião, mas vou fazer um post especifico sobre isso…

20180325_215503

Até mais…

 

Categorias:América do Norte, Canadá

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: